Compartilhar share

Unidades de Conservação são atrativos no verão

Publicado em 28/01/2020 às 10:27 - Atualizado em 28/01/2020 às 10:27

É verão. A estação mais quente do ano é um convite para atividades de lazer. Em meio à natureza, melhor ainda. O litoral é o mais procurado nesta época. No entanto, há outras opções que atraem cada vez mais visitantes, como é o caso das Unidades de Conservação de Santa Catarina. Trilhas, passeios em ambientes preservados, belezas naturais e ações de educação ambiental são as escolhas de centenas de moradores e turistas em todo o estado.

O Instituto do Meio Ambiente de Santa Catarina (IMA) administra 10 Unidades de Conservação, destas em cinco há visitação pública.

Na Grande Florianópolis temos:  

Tabuleiro

Na Grande Florianópolis está a maior delas, o Parque Estadual da Serra do Tabuleiro. Com mais de 84 mil hectares, o local é um atrativo gigantesco. As centenas de trilhas, as mais conhecidas Pico do Cambirela que tem visão de toda a ilha, Travessia do Tabuleiro, Pico do Tabuleiro, Morro do Queimado em Santo Amaro da Imperatriz e Caminho de Naufragados atraem visitantes de todas as regiões brasileiras e até mesmo de fora do país.

Além das trilhas, dentro dos limites do Parque estão cenários paradisíacos como a famosa Guarda do Embaú, a Praia do Maço, Praia do Vigia e o Rio da Madre, ideal para a prática de remo.  

O Parque tem sua sede em Palhoça, na Baixada do Maciambu que está aberto de quarta a domingo das 9h às 17h. O local conta com um centro de visitantes e trilhas educativas, onde o público pode ter contato com espécies nativas. O Parque possui anda dois centros temáticos na sede dos municípios de Imaruí e de São Bonifácio.

Rio Vermelho

Também no litoral, o Parque Estadual do Rio Vermelho, em Florianópolis, é outro reduto de descanso e beleza. Com destaque para a Trilha Ecológica onde é possível passear em meio à natureza e conhecer animais tratados no Centro de Triagem de Animais Silvestres (Cetas). A trilha funciona de terça-feira a domingo (inclusive feriados), das 10h às 17h.

Outra opção é a Trilha Aquática que proporciona uma experiência única aos participantes ao navegar pelas águas cristalinas do Parque. A visitação pública também é permitida nas trilhas e acessos à Lagoa da Conceição e à praia do Moçambique que também está dentro da Unidade de Conservação, o que a torna uma das mais preservadas de Santa Catarina. Com a orla mais extensa de Florianópolis, areias brancas e macias, vegetação protegida e pouco conhecida pelos banhistas, é o lugar perfeito para relaxar em meio à natureza.

 

* Com informações Ascom -www.ima.sc.gov.br

Instituto do Meio Ambiente de Santa Catarina (IMA)
Rua Artista Bittencourt, 30 - Centro
CEP 88020-060 - Florianópolis, SC

publish